fbpx

Expo Dubai: Agricultura de SP mostra para o mundo que é sustentável

image_pdfimage_print

 

 

Itamar Borges destaca potencial do agro paulista e busca parcerias para atrair investimentos e ampliar as exportações

A missão Expo Dubai trouxe bons frutos para o agronegócio e para todo o estado. Nesta quinta-feira (28), o Governo de São Paulo anunciou que o Estado fechou acordos de cooperação com quatro instituições e empresas dos Emirados Árabes Unidos, o que facilita a atração de novos investimentos e amplia o leque de exportações paulistas.

O secretário de Agricultura e Abastecimento, Itamar Borges, que faz parte da comitiva do governador João Doria, ressaltou a importância dos acordos firmados. “Estamos com a sensação de dever cumprido. Mostramos a força do nosso estado, o mais pujante do Brasil, e celebramos parcerias significativas”, disse.

Um dos acordos fechados foi com o DMCC (Dubai Multi Commodities Centre), órgão ligado ao Governo de Dubai para fornecer infraestrutura física e financeira à importação de commodities no Oriente. Considerado o maior hub de commodities do mundo, o DMCC firmou compromisso com o Governo de São Paulo para facilitar exportações locais de produtos como café, suco de laranja e etanol, entre outros.

 

 

“O Brasil tem vocação para produzir uma ampla gama de produtos para todo o mundo. O agronegócio em São Paulo faz a diferença não só na produção, mas também na logística. É importante destacar a sustentabilidade da produção do Estado de São Paulo ”, afirma Itamar Borges.

 

 

Também foi assinado um termo de cooperação mútua com a multinacional líder mundial de logística DP World, que atua em mais de 80 países, opera terminais no porto de Santos e está sediada em Dubai. A empresa associou a InvestSP a um programa para facilitação de exportações e redução de barreiras burocráticas, com foco em melhoria de competitividade e redução de custos empresariais.

Itamar Borges destaca ainda acordos privados entre empresas paulistas,  a maioria do setor agro, e representantes árabes. “Parcerias importantes com produtores de alimentos, como frango, carne, café, o guaraná, que não existia em Dubai, avanços na linha de orgânicos, açúcar e etanol. Sendo que o principal deles foi confirmado pela Agrimpex, negociadora de commodities agrícolas, com previsão de investimentos de mais de R$ 970 milhões em São Paulo para gerar mais de 500 novos empregos no estado”, explica o secretário.

O governador João Doria, o secretário de Agricultura Itamar Borges, o secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente Marcos Penido, e outros membros do governo, seguem agora para Glasgow, na Escócia, para participar da Cop26, Conferência do Clima da ONU, principal evento climático do mundo. E o secretário de Agricultura falou sobre as expectativas para esta conferência.

 

 

“A presença de São Paulo na Expo Dubai, maior evento de inovação e tecnologia criativa do mundo e que reúne os 192 países, serviu também de vitrine para o que vamos apresentar na Cop26”, afirma.

 

 

“São Paulo é o agro do Brasil, sustentável, produtivo e inovador: o agro paulista está cada vez mais forte.  E é isso que São Paulo vai mostrar para o mundo, um agro sustentável, que garante a sustentabilidade dos produtos” finaliza o secretário Itamar.

 

Compartilhar